Fotografia Infantil

Posts com tag “Brasília

Produtos | Mini Álbum Flip

Oi gente! Voltamos a postar depois de umas semaninas de atraso! Muito trabalho acumulado deu nisso! Mas tudo já voltou aos conformes!!! =)

Um dos trabalhos que entregamos recentemente foi o Acompanhamento de Bebês da Malu, que vocês podem conferir aqui! Ele também foi entregue no Mini Álbum Flip! Confiram!!!

Anúncios

Acompanhamento de Bebês | Malu – 6 meses

Como vocês sabem, eu amo fazer acompanhamento de bebês. É gostoso demais ver cada fase do aprendizado deles! A tchuquinha de hoje é a Maria Luisa. Ela fez 6 meses ontem! Para comemorar, os papais dela, Camila e Vitor,  fizeram um “arraiá” caprichado! Por isso, a mamãe aproveitou o ensaio para fazer também umas fotos da lindoca vestida a caráter.

Aos 6 meses a Malu gosta de:

* mamar no peito;

* bolinhas de sabão;

* banho;

Não gosta de:

* ficar sozinha;

* vestir a roupa.


Aniversário | Luiza 4 anos

Olha só quem está aqui pelo segundo ano consecutivo! É a fofíssima da Lu! Para quem não se lembra, a Luiza foi a Branca de Neve de Maio do ano passado.

Esse ano ela estava literalmente uma gatinha! O tema da festa foi a Gatinha Marie, do filme Aristogatas. Alguns rostinhos conhecidos ainda estavam por lá e outros novos coleguinhas também se divertiram bastante!

Foi muito gostoso ver o tanto que ela mudou em apenas 1 ano! Confiram as fotos dessa linda que não largava da barra da minha saia! Rs


Aniversário | Juliana 2 anos

Sabe aquele sábado a noite, bem frio, em que tudo o que você quer fazer é sair para comer algo bem rápido e voltar para debaixo do edredom? Pois essa era nossa programação quando fomos surpreendidos por um telefonema do nosso amigo Andre Kazuo! Ele pedia para fotografarmos um aniversário que já havia começado (e que o fotógrafo contratado tinha desaparecido e deixado os pais da Juju na mão).

Então foi isso! Catamos todo o equipamento (câmeras, lentes, pilhas, carregadores, baterias, flashes etc) colocamos dentro da mochila e fomos!

A Juju tava uma gracinha vestida de Princesa! Só queria saber de brincar na casinha da árvore, andar no velocípede e fazer gracinhas com o vovô para orgulho da tia que tava no outro lado do mundo acompanhando a festa pela webcam!

Apesar de toda a correria do início a festa foi um sucesso!

Espero que gostem!


Antes de ser mãe

O post de hoje será especial! Especial talvez porque eu esteja mais emotiva este ano do que jamais estive. Especial porque ano passado o Dia das Mães foi no dia de hoje, 8 de maio e, coincidentemente, me tornei mãe no Dia das Mães. Então, hoje pedirei licença a todos os pais, aos meus amigos, às minhas amigas que ainda não têm filhos. Hoje dedicarei esse poema da Silvia a todas as mamães que acompanham o blog! Deixo de lado minha aversão aos clichês e me entrego a essas palavras mais sinceras e verdadeiras. Só porque estou adorando ser mãe e mãe é mesmo “tudo babona”.

Claro, fotos não iam faltar! Nunca faltam! Muitas e muitas fotos com minha pequenina, difícil foi escolher. Pedi ao maridão que escolhesse apenas 02 e aí vão!

 

ANTES DE SER MÃE por Silvia Schmidt

Antes de ser mãe, eu fazia e comia
os alimentos ainda quentes.
Eu não tinha roupas manchadas,
tinha calmas conversas ao telefone.
Antes de ser mãe, eu dormia o quanto eu queria,
Nunca me preocupava com a hora de ir para a cama.
Eu não me esquecia de escovar os cabelos e os dentes

Antes de ser mãe,
eu limpava minha casa todo dia.
Eu não tropeçava em brinquedos e
nem pensava em canções de ninar.
Antes de ser mãe, eu não me preocupava:
Se minhas plantas eram venenosas ou não.
Imunizações e vacinas então,
eram coisas em que eu não pensava.

Antes de ser mãe,
ninguém vomitou e nem fez xixi em mim,
Nem me beliscou sem nenhum cuidado,
com dedinhos de unhas finas.
Antes de ser mãe,
eu tinha controle sobre a minha mente,
Meus pensamentos, meu corpo e meus sentimentos,
e dormia a noite toda.

Antes de ser mãe,eu nunca tive que
segurar uma criança chorando,
para que médicos pudessem fazer testes
ou aplicar injeções.
Eu nunca chorei olhando pequeninos
olhos que choravam.
Nunca fiquei gloriosamente feliz
com uma simples risadinha.
Nem fiquei sentada horas e horas
olhando um bebê dormindo.

Antes de ser mãe, eu nunca segurei uma criança,
só por não querer afastar meu corpo do dela.
Eu nunca senti meu coração se despedaçar,
quando não pude estancar uma dor.
Nunca imaginei que uma coisinha tão pequenina,
pudesse mudar tanto a minha vida e
que pudesse amar alguém tanto assim.
E não sabia que eu adoraria ser mãe.

Antes de ser mãe, eu não conhecia a sensação,
de ter meu coração fora do meu próprio corpo.
Não conhecia a felicidade de
alimentar um bebê faminto.
Não conhecia esse laço que existe
entre a mãe e a sua criança.
E não imaginava que algo tão pequenino,
pudesse fazer-me sentir tão importante.

Antes de ser mãe, eu nunca me levantei
à noite toda , cada 10 minutos, para me
certificar de que tudo estava bem.
Nunca pude imaginar o calor, a alegria, o amor,
a dor e a satisfação de ser uma mãe.
Eu não sabia que era capaz de ter
sentimentos tão fortes.
Por tudo e, apesar de tudo, obrigada Deus,
Por eu ser agora um alguém tão frágil
e tão forte ao mesmo tempo.
Obrigada meu Deus, por permitir-me ser Mãe!

 


Nina

Olááá! Estou de volta!!! Ficamos um bom tempo ausente, mas voltamos com muitas novidades!
Como todos sabem, eu estava grávida e há 3 meses sou mãe da Nina! Minha modelinho preferida. =D

O post de hoje será sobre a chegada dessa princesinha! As fotos foram feitas pelo meu marido, o Arthur. Ele assina alguns trabalhos junto comigo. Quando descobri que estava grávida decidi que queria fotos do meu parto! E fotos boas! Foi aí que comecei a encher a paciência dele com isso! Como todo pai babão, ele queria apenas curtir o nascimento da Nina, mas não queria por nada clicar esse momento. Eu insisti tanto que acho que o venci pelo cansaço! rs Hoje eu e ele temos a certeza de que se não tivéssemos feito as fotos, estaríamos muito arrependidos! É incrível, e uma delícia, poder rever cada foto e lembrar com mais intensidade e detalhes do momento mais importante de nossas vidas.
Curtam um pouquinho aí.